INTRODUÇÃO
O objetivo desse Blog é levar você a uma reflexão maior sobre a vida, buscando pela compreensão das leis divinas o equilíbrio
necessário para uma vida saudável e produtiva.

CONSIDERAÇÕES INICIAIS
Prezados irmãos e amigos. Não pretendo com esse Blog modificar o pensamento das pessoas. Não tenho a pretensão de ser dono da verdade, pois acredito que nenhuma religião ou seita detém o privilégio de monopolizá-la. Apenas estou transmitindo informações, demonstrando a minha crença, a minha verdade. Cabe a cada indivíduo a escolha de como quer entender as coisas do mundo em que vive, como quer viver a sua vida, e quais os métodos que quer utilizar para suas colheitas. Como disse Jesus, "A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória", ou seja, o plantio é opcional, você planta o que quiser, mas vai colher o que plantar. Por isto, muito cuidado com o que semear.
Pense nisso!

Dê vida a esse Blog. Comente!
Seu comentário é muito importante!

Acontecimentos Pré-Kardec

1940
Guatemala
O Espiritismo, sob o nome de Heliosóphia é estabelecido na Guatemala. A designação surge da necessidade de ater-se as leis do País, que na época, proibiam o uso do nome verdadeiro. Desde então, as "Escuelas Heliosophicas", protegidas sob essa designação, passaram a divulgar a doutrina de Allan Kardec e atingem nos nossos dias o expressivo número de 250 grupos a nível nacional.
19 de janeiro de 1940
Minas Gerais, Brasil
O espírito Emmanuel transmite através do médium Francisco Cândido Xavier mensagem endereçada a Ismael Gomes Braga, grande propagandista da causa Esperantista, em que tece comentários a respeito da importância do Esperanto e de seu papel nos planos da Espiritualidade maior. A mensagem de Emmanuel teve grande repercussão, inclusive incentivando outros autores espirituais a se manifestarem sobre o tema.
Merece ser destacado que na época em que a mensagem foi transmitida o Esperanto parecia destinado ao fracasso. A II Guerra Mundial não só trazia enormes baixas ao combalido movimento, que desde 1914 sofria reveses na Europa, como parecia demonstrar a inutilidade dos esforços para uma aproximação entre os povos. Grande número de Esperantistas, entre eles a viúva e os filhos do Dr. Zamenhof, tombavam nos campos de extermínio nazistas; muitos outros eram vítimas dos diversos regimes ditatoriais que dominavam o velho continente.
10 de abril de 1941
Rio de Janeiro, Brasil
A Federação Espírita Brasileira é obrigada, pela segunda vez, a fechar suas portas por ordem policial.
1943-1968
Minas Gerais, Brasil
O espírito André Luiz, através da mediunidade de Francisco Cândido Xavier, psicografa uma série de livros onde a vida no plano espiritual é estudada, em diversas circunstâncias, através de sua experiência como médico recém-desencarnado: Nosso Lar (1943), Os Mensageiros (1944), Missionários da Luz (1945), Obreiros da Vida Eterna (1946), No Mundo Maior (1947), Libertação (1949), Entre a Terra e o Céu (1954), Nos Domínios da Mediunidade (1955), Ação e Reação (1957), Mecanismos da Mediunidade (1960), E a Vida Continua (1968). Até então a ideia a respeito de como seria a vida cotidiana no plano espiritual era bastante vaga.
janeiro de 1943
Rio de Janeiro, Brasil
Publicada pela FEB a tradução em Esperanto do "O Livro dos Espíritos" (La Libro de la Spiritoj), traduzida do Francês pelo Prof. L. C. Porto Carreiro Neto (1895-1964). O Prof. Porto Carreiro, médium conhecido pelas poesias psicografadas diretamente em Esperanto para a revista Reformador e pelo livro "Ciência Divina" do espírito Jaime Braga, foi grande filólogo, linguista e poeta, ao qual devemos diversas traduções de obras de Allan Kardec e de Francisco Cândido Xavier para a língua internacional.
Estados Unidos
Iniciado o projeto do primeiro computador eletrônico, ENIAC, projetado especificamente para uso militar (cálculo de tabelas de balística). O ENIAC só ficaria operacional em 1946. A programação era feita por chaves e pela colocação de fios em soquetes especiais.
julho de 1943
Rio de Janeiro, Brasil
Iniciada na revista Reformador a seção de versos doutrinários em Esperanto. A seção foi criada sob orientação do plano Espiritual através da mediunidade de Francisco Valdomiro Lorenz.
21 de dezembro de 1943 - 17 de março de 1946
São Paulo, Brasil
Monteiro Lobato (José Bento Monteiro Lobato, 1882-1948), grande nome da literatura brasileira, realiza sessões espíritas em sua residência. As sessões, nas quais a médium era sua esposa Dona Purezinha e realizadas com o método do copo (As pessoas sentadas ao redor de uma mesa colocam dois dedos sobre um copo, que ao mover-se marca as letras da mensagem), foram registradas pelo próprio Monteiro Lobato e publicadas postumamente no livro 'Monteiro Lobato e o Espiritismo'. No período de 1946 a 1947 chegaram inclusive a ser realizadas sessões na Argentina, durante viagens do escritor para lá.
1944
Londres, Inglaterra
A médium de efeitos físicos Helen Duncan (1897-1956), natural da cidade escocesa de Edinburgh, famosa pelas sessões realizadas na Grã-Bretanha, durante os anos 30 e 40, em centenas de grupos espiritualistas, é condenada pela justiça a cumprir pena na prisão feminina de Holloway. A condenação baseou-se na lei contra a feitiçaria datada de 1735 (Wtchcraft Act), sob a acusação de "exercer ou usar conjuração, que através da participação de Helen Duncan, fariam com que espíritos de pessoas mortas parecessem estar presentes" (to exercise ou use human conjuration that through the agency of Helen Ducan spirits of deceased dead persons should appear to be present). Aparentemente, por trás da injusta condenação, que não deixou de contrariar até mesmo o Primeiro Ministro Winston Churchill, estava a paranóia causada pelo período de guerra. Em algumas das sessões realizadas pela médium, a pedido de parentes de soldados mortos ou desaparecidos, foram narrados pelo espíritos eventos que os órgãos do governo procuravam manter em sigilo (por exemplo, a materialização de um marinheiro desencarnado no afundamento do navio militar Barham, tragédia que só foi reconhecida oficialmente meses depois).
Brasil
A família de Humberto de Campos, autor brasileiro de grande prestigio (já desencarnado na época), ingressa em juízo contra a Federação Espírita Brasileira e o médium Francisco Cândido Xavier. A ação motivada pelos livros psicografados por Humberto de através do médium, se arrasta durante anos em todas as instâncias, ganhando imensa notoriedade e terminando com ganho de causa para a FEB. Após esse famoso "Caso Humberto de Campos", a pedido do autor espiritual, os seus novos livros passam a ser assinados como Irmão X.
Brasil
É publicado "Coisas D'Outro Mundo", livro espírita de autoria de Cornélio Pires (1884-1958), contista, humorista, radialista e cinegrafista brasileiro. Cornélio ainda tornaria a publicar outro livro espírita em 1947, "Onde estás, oh Morte ?", e após a sua desencarnação continuaria seu trabalho literário através da psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Estados Unidos
Colocado em funcionamento pela IBM o primeiro computador, Harvard Mark I, com projeto de 1939 (Aiken, de Harvard) baseado em relês.
10 de dezembro de 1944
Brasil
Fundada a "Cruzada dos Militares Espíritas" no Brasil.
1945
Europa
A nova realidade geopolítica, consequência da derrota do eixo pelos aliados, colocou os países do leste Europeu sob domínio soviético, colocando-os portanto sob o jugo do materialismo marxista. Nesses países também passou a ser, como na Rússia, perigoso dedicar-se ao Espiritismo.
(Continua na próxima postagem)

 ************************************************************
1937
Atenas, Grécia
Fundada a "Sociedade Metapsíquica Helênica", mais tarde denominada "Sociedade Metapsíquica de Atenas". Entre seus fundadores se encontra o criminalista grego e antigo professor da Universidade de Atenas, Panes Yotopolos (1878-1965).
1 de março de 1937
Rio de Janeiro, Brasil
Fundado na FEB, por sugestão do Prof. Ismael Gomes Braga, o Departamento de Esperanto. Destinado a publicar obras doutrinárias na língua internacional, esse departamento teve, e continua tendo, importante papel na divulgação do Esperanto nos meios espíritas brasileiros e na divulgação da Doutrina Espírita através do Esperanto.
17 de outubro de 1937
Rio de Janeiro, Brasil
Federação Espírita Brasileira fechada por 72 horas por ordem policial. O Brasil vivia então o período do "Estado Novo", implantado em 1937 por Getulio Vargas. Durante essa época vigoraram diversas portarias restringindo a liberdade de opinião, sendo que algumas atingiram a liberdade de crença e obrigaram os grupos Espíritas a obterem registro policial para seu funcionamento. Essas portarias vigoraram até o final do Estado Novo em 1945.
1938
São Paulo, Brasil
Fundada em São Paulo, Brasil, por Pedro de Camargo (Vinicius, 1878-1966) e Thietre Diniz Cintra, a primeira escola espírita para evangelização da infância e juventude. Vinicius foi educador e escritor de grandes méritos, constando de sua bibliografia os livros espíritas: Na Seara do Mestre, Em Torno do Mestre, Nas Pegadas do Mestre, Na Escola do Mestre e O Mestre na Educação.
Estados Unidos
Os físicos Albert Einstein e Leopold Infield escrevem o livro "A Evolução da Física", onde se pode ler (Cap. III - Campo e Relatividade, item Campo e Matéria): "Matéria é onde a concentração de energia é grande, e campo onde a concentração de energia é pequena. Mas se esse for o caso, então a diferença entre matéria e energia é mais quantitativa do que qualitativa. Não há sentido algum em se considerar matéria e energia como duas qualidades muito diferentes uma da outra.".
1939
São Paulo, Brasil
A extinta "Rádio Educadora de São Paulo" (Brasil) leva ao ar diariamente o "Programa Radiofônico Espírita" que tinha como um de seus diretores Pedro de Camargo (Vinicius).
Roma, Itália
O regime fascista interrompe a publicação do periódico "Luce e Ombra", que desde 1900 vinha sendo o principal órgão da pesquisa psíquica italiana. O periódico só voltaria a ser publicado em 1946.
1939 - 1945
Europa
Guerra Mundial. Na sequência dos prejuízos causados pelo Nazismo, a destruição maciça levada a cabo nessa guerra causou o desaparecimento quase completo do Espiritismo na Alemanha e a perda das obras espíritas em língua alemã. Também na Áustria ocorrem os mesmos efeitos sobre a divulgação da doutrina Espírita. 
1940
Guatemala
O Espiritismo, sob o nome de Heliosóphia é estabelecido na Guatemala. A designação surge da necessidade de ater-se as leis do País, que na época, proibiam o uso do nome verdadeiro. Desde então, as "Escuelas Heliosophicas", protegidas sob essa designação, passaram a divulgar a doutrina de Allan Kardec e atingem nos nossos dias o expressivo número de 250 grupos a nível nacional.
19 de janeiro de 1940
Minas Gerais, Brasil
O espírito Emmanuel transmite através do médium Francisco Cândido Xavier mensagem endereçada a Ismael Gomes Braga, grande propagandista da causa Esperantista, em que tece comentários a respeito da importância do Esperanto e de seu papel nos planos da Espiritualidade maior. A mensagem de Emmanuel teve grande repercussão, inclusive incentivando outros autores espirituais a se manifestarem sobre o tema.
Merece ser destacado que na época em que a mensagem foi transmitida o Esperanto parecia destinado ao fracasso. A II Guerra Mundial não só trazia enormes baixas ao combalido movimento, que desde 1914 sofria reveses na Europa, como parecia demonstrar a inutilidade dos esforços para uma aproximação entre os povos. Grande número de Esperantistas, entre eles a viúva e os filhos do Dr. Zamenhof, tombavam nos campos de extermínio nazistas; muitos outros eram vítimas dos diversos regimes ditatoriais que dominavam o velho continente.
10 de abril de 1941
Rio de Janeiro, Brasil
A Federação Espírita Brasileira é obrigada, pela segunda vez, a fechar suas portas por ordem policial.
1943-1968
Minas Gerais, Brasil
O espírito André Luiz, através da mediunidade de Francisco Cândido Xavier, psicografa uma série de livros onde a vida no plano espiritual é estudada, em diversas circunstâncias, através de sua experiência como médico recém-desencarnado: Nosso Lar (1943), Os Mensageiros (1944), Missionários da Luz (1945), Obreiros da Vida Eterna (1946), No Mundo Maior (1947), Libertação (1949), Entre a Terra e o Céu (1954), Nos Domínios da Mediunidade (1955), Ação e Reação (1957), Mecanismos da Mediunidade (1960), E a Vida Continua (1968). Até então a ideia a respeito de como seria a vida cotidiana no plano espiritual era bastante vaga.
janeiro de 1943
Rio de Janeiro, Brasil
Publicada pela FEB a tradução em Esperanto do "O Livro dos Espíritos" (La Libro de la Spiritoj), traduzida do Francês pelo Prof. L. C. Porto Carreiro Neto (1895-1964). O Prof. Porto Carreiro, médium conhecido pelas poesias psicografadas diretamente em Esperanto para a revista Reformador e pelo livro "Ciência Divina" do espírito Jaime Braga, foi grande filólogo, linguista e poeta, ao qual devemos diversas traduções de obras de Allan Kardec e de Francisco Cândido Xavier para a língua internacional.
Estados Unidos
Iniciado o projeto do primeiro computador eletrônico, ENIAC, projetado especificamente para uso militar (cálculo de tabelas de balística). O ENIAC só ficaria operacional em 1946. A programação era feita por chaves e pela colocação de fios em soquetes especiais.
julho de 1943
Rio de Janeiro, Brasil
Iniciada na revista Reformador a seção de versos doutrinários em Esperanto. A seção foi criada sob orientação do plano Espiritual através da mediunidade de Francisco Valdomiro Lorenz.
21 de dezembro de 1943 - 17 de março de 1946
São Paulo, Brasil
Monteiro Lobato (José Bento Monteiro Lobato, 1882-1948), grande nome da literatura brasileira, realiza sessões espíritas em sua residência. As sessões, nas quais a médium era sua esposa Dona Purezinha e realizadas com o método do copo (As pessoas sentadas ao redor de uma mesa colocam dois dedos sobre um copo, que ao mover-se marca as letras da mensagem), foram registradas pelo próprio Monteiro Lobato e publicadas postumamente no livro 'Monteiro Lobato e o Espiritismo'. No período de 1946 a 1947 chegaram inclusive a ser realizadas sessões na Argentina, durante viagens do escritor para lá.
1944
Londres, Inglaterra
A médium de efeitos físicos Helen Duncan (1897-1956), natural da cidade escocesa de Edinburgh, famosa pelas sessões realizadas na Grã-Bretanha, durante os anos 30 e 40, em centenas de grupos espiritualistas, é condenada pela justiça a cumprir pena na prisão feminina de Holloway. A condenação baseou-se na lei contra a feitiçaria datada de 1735 (Wtchcraft Act), sob a acusação de "exercer ou usar conjuração, que através da participação de Helen Duncan, fariam com que espíritos de pessoas mortas parecessem estar presentes" (to exercise ou use human conjuration that through the agency of Helen Ducan spirits of deceased dead persons should appear to be present). Aparentemente, por trás da injusta condenação, que não deixou de contrariar até mesmo o Primeiro Ministro Winston Churchill, estava a paranoia causada pelo período de guerra. Em algumas das sessões realizadas pela médium, a pedido de parentes de soldados mortos ou desaparecidos, foram narrados pelo espíritos eventos que os órgãos do governo procuravam manter em sigilo (por exemplo, a materialização de um marinheiro desencarnado no afundamento do navio militar Barham, tragédia que só foi reconhecida oficialmente meses depois).
Brasil
A família de Humberto de Campos, autor brasileiro de grande prestigio (já desencarnado na época), ingressa em juízo contra a Federação Espírita Brasileira e o médium Francisco Cândido Xavier. A ação motivada pelos livros psicografados por Humberto de através do médium, se arrasta durante anos em todas as instâncias, ganhando imensa notoriedade e terminando com ganho de causa para a FEB. Após esse famoso "Caso Humberto de Campos", a pedido do autor espiritual, os seus novos livros passam a ser assinados como Irmão X.
Brasil
É publicado "Coisas D'Outro Mundo", livro espírita de autoria de Cornélio Pires (1884-1958), contista, humorista, radialista e cinegrafista brasileiro. Cornélio ainda tornaria a publicar outro livro espírita em 1947, "Onde estás, oh Morte ?", e após a sua desencarnação continuaria seu trabalho literário através da psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Estados Unidos
Colocado em funcionamento pela IBM o primeiro computador, Harvard Mark I, com projeto de 1939 (Aiken, de Harvard) baseado em relês.
10 de dezembro de 1944
Brasil
Fundada a "Cruzada dos Militares Espíritas" no Brasil.
1945
Europa

A nova realidade geopolítica, consequência da derrota do eixo pelos aliados, colocou os países do leste Europeu sob domínio soviético, colocando-os, portanto sob o jugo do materialismo marxista. Nesses países também passou a ser, como na Rússia, perigoso dedicar-se ao Espiritismo.
(Continua na próxima postagem) 
************************************************************************************
26 de Maio de 1926
Lisboa, Portugal
É fundada a Federação Espírita Portuguesa, FEP. Ainda em 1926 surge a "Revista de Espiritismo", órgão de divulgação da FEP.
28 de Maio de 1926
Portugal
Implantada em Portugal a ditatura militar, como titular da Pasta de Finanças do novo regime está um professor de direito e político ligado ao "centro católico", António de Oliveira Salazar (1889-1970). Sua influência cada vez maior sobre o regime militar o levaria a assumir em 1932 o cargo de Presidente do Conselho de Ministros e a tornar-se o detentor efetivo do poder em Portugal. Seu regime, denominado "Salazarista", somente seria derrubado após sua morte. Durante esse período o Espiritismo sofre forte repressão, com a interdição dos direitos de reunião e associação, extinção das sociedades e confisco de bens.
maio de 1927
Minas Gerais, Brasil
Primeira sessão espírita no lar dos Xavier, em Pedro Leopoldo - Minas Gerais, que daria origem ao "Centro Espírita Luiz Gonzaga", presidido por José Cândido Xavier, pai do médium Francisco Cândido Xavier (1910-).
3 de outubro de 1927
Brasil
Publicada pela FEB a tradução em Esperanto do livro "O Evangelho segundo o Espiritismo" (La Evangelio Laü Espiritismo), traduzida do francês por Ismael Gomes Braga.
1929
Estados Unidos da América
Wladimir Zworikin, russo naturalizado norte-americano, apresenta o primeiro sistema prático de TELEVISÃO completamente eletrônico. Já em 1932 começa a industrialização de transmissores e receptores. As transmissões regulares foram iniciadas em 1936 por uma emissora de Nova Jérsei.
1930
Porto, Portugal
Surge a revista "Além", propriedade da Sociedade Portuense de Investigações Psíquicas", tendo por diretor Manuel Cavaco, e por editor Cruz Ferreira.
1931
Minas Gerais, Brasil
Pela primeira vez o espírito Emmanuel se apresenta ao médium Francisco Cândido Xavier. Estava iniciando um trabalho conjunto que se estenderia até os nossos dias, interrompido apenas pelo estado de saúde precário do médium, decorrente de sua idade avançada.
6 de julho de 1932
Brasil
Livro "Parnaso do Além-Túmulo" por Francisco Cândido Xavier
1933
Alemanha
Hitler assume o poder na Alemanha. Durante os anos do nazismo qualquer manifestação de liberdade de pensamento, seja cultural, filosófica, cientifica ou religiosa é duramente reprimida e erradicada. A divulgação e prática da doutrina Espírita na Alemanha é praticamente impossível.
1934
Barcelona, Espanha
5.o Congresso Internacional de Espiritismo - O movimento Espírita Espanhol as vésperas da Guerra Civil Espanhola é um dos mais atuantes da Europa, sua influência se estende a América Latina e serve de inspiração para o surgimento dos grupos espíritas locais. Amalia Domingos Soler, Miguel Vives, Quíntín Lopez, Colavida, Torres Solanot, Sellés Gosálves, Pellicer, entre outros, servem de indicação de quanto o Espiritismo tinha progredido em terras espanholas.
Deste congresso recorda-se também a brilhante atuação dos argentinos Manuel Porteiro e Humberto Mariotti, destacando a posição revolucionária do Espiritismo nos conflitos sociais.
Estados Unidos da América
Joseph Banks Rhine publica o resultado de suas pesquisas com os "fenômenos paranormais" (nome adotado pela Parapsicologia para os fenômenos mediúnicos), comprovando estatisticamente sua existência. As pesquisas de Rhine colocaram a "percepção extrasensorial" (como a Parapsicologia denomina a mediunidade) em evidência, chamando a atenção da opinião pública. De grande curiosidade para o historiador do futuro será o fato da percepção extrasensorial ter se popularizado, tornando-se, por exemplo, tema usado em enredos de filmes e telenovelas.
Inglaterra
A BBC de Londres transmite pela primeira vez um programa, de Ernest Oaten, dedicado ao Espiritualismo Moderno.
12 de julho de 1936
São Paulo, Brasil
Fundada a "Federação Espírita do Estado de São Paulo", funcionando provisoriamente na sede da "Associação Espírita São Pedro e São Paulo". A partir de 1938 passou a ter sede própria na rua Maria Paula.
17 de julho de 1936 - 1 de abril de 1939
Espanha
Guerra Civil Espanhola, que termina com o estabelecimento do regime Franquista. O Espiritismo foi, nos quase quarenta anos de Franquismo, praticamente erradicado da Espanha. Com o fechamento oficial dos grupos e o sacrificio de seus principais dirigentes, alguns grupos, como a "Associación Catalana de Estudios Practicos del Espiritismo" sobrevivem na clandestinidade.
No inicio da Guerra Civil a Espanha contava com cerca de 200 associações espíritas legalizadas e atuando na divulgação da doutrina. A "Federación Espírita Española", não só já estava constituída como era acompanhada por diversas federações regionais.
19 de agosto de 1936 - 2 de maio de 1937
São Paulo, Brasil
"Conferências Radiofônicas" de Cairbar Schutel, pela Rádio Cultura de Araraquara, São Paulo - Brasil, o primeiro programa radiofônico nitidamente espírita. Foram realizadas nesse período 15 conferências.

 (Continua na próxima postagem)
***********************************************************
1914 - 1945 Tempos de Comoções

A partir de 1914 até 1945 o mundo assiste a um desfile de guerras e morticinios sem precedentes na história da humanidade. Novas armas e tecnologias dão ao homem um poder de destruição nunca antes visto e que causaria inveja ao próprio demônio, caso esta ficção teológica existisse. A ciência, que tanto criticou a religião, mostrou que pode ser tão terrível quanto as mais funestas criações da inquisição, as câmaras de gás e a bomba atômica fariam um Torquemada horrorizar-se.
As grandes comoções morais desse período, previstas de há muito, foram embates entre visões de mundo, de um lado o culto ao militarismo, ao regime da força bruta, as sociedades fechadas no ódio e no exclusivismo, ao culto a um passado sanguinário já superado, de outro novas estruturas sociais, mais dinâmicas e abertas as liberdades do indivíduo e a uma forma nova de relacionamento entre as nações.
A eclosão desses conflitos, talvez inevitáveis no processo de evolução de um mundo onde o domínio do plano material excede de muito o autodomínio moral, chacoalharam de tal modo a humanidade, que o homem do final do século XX surpreende-se ao ver como mudou e como se sente distante dos seus irmãos do início do mesmo século.
Nesses anos em que o mal preponderou, queira Deus que pela ultima vez, e viu-se uma parada nas frentes de progresso espiritual e moral da humanidade. O Espiritismo sofreu grandemente na Europa, mas sobreviveu por causa de seu vigor no Novo Mundo.
1914 - 1918
Sarajevo, Servia
Primeira Guerra Mundial. O conflito, iniciado com o assassinato do herdeiro ao trono austríaco em Sarajevo, traria os horrores da guerra a uma escala nunca vista antes. Pela primeira vez são empregados em larga escala o avião militar, o tanque de guerra, o gás venenoso e o submarino, permitindo a destruição maciça de vidas e bens materiais. Toda uma época de ouro da civilização europeia, a Belle Epoque, se encerra como consequência dessa guerra. Suas cicatrizes mal curadas levaram ao surgimento do fascismo, do nazismo, do stalinismo e da Segunda Guerra Mundial.
1916
Minas Gerais, Brasil
O Espírito Victor Hugo começa a transmitir mensagens psicografadas através da médium mineira Zilda Gama. Ao longo dos anos foram completados oito romances desse autor: Do Calvário ao Infinito, Redenção, Dor Suprema, Na Sombra e na Luz, Almas Crucificadas, Solar de Apolo, Na Seara Bendita, Na Cruzada do Mestre.
1 de junho de 1917
Itália
O Santo Oficio pronuncia a "condenação definitiva" do Espiritismo, proibindo aos católicos de participar, sob qualquer pretexto de reuniões espíritas: "partecipare, con medium o senza medium, servendosi o no dell'ipnotismo, a sedute o a manifestazioni spiritiche, anche se hanno un'apparenza onesta o pia, sia s'interroghino le anime o gli spiriti, sai si ascoltino le risposte, sia ci si accontenti di fare da osservatori, quand'anche si dichiarasse tacitamente o espressamente che non si vuole avere alcun rapporto con gli spiriti cattivi".
outubro de 1917
Rússia
Revolução Comunista na Rússia. Nasce a União das Republicas Socialistas Soviéticas, um estado baseado na ideologia de Karl Marx e no materialismo histórico. Inicia o período de mais de 70 anos em que qualquer crença na sobrevivência do espírito e na existência de Deus é um ato de traição. Ser Espírita torna-se perigoso nessa sociedade
1920
Barreiro, Portugal
Surge o jornal "O Espírita" como "órgão mensal de estudos psíquicos e propaganda doutrinária, propriedade do Grupo Espírita Luz e Caridade, do Barreiro", tendo por diretor António Xavier Govina e por editor J. M. Quintela Paixão.
26 de julho de 1920
Rio de Janeiro, Brasil
Diversas pessoas são presas no Rio de Janeiro por participarem de uma reunião espírita, acusadas com base em artigos do código penal contra o curandeirismo. Cerca de um mês depois, em 20 de agosto, o juiz Galdino Siqueira julga improcedente a denúncia e manda expedir a soltura dos réus.
16 de setembro de 1920
Rio de Janeiro, Brasil
O advogado António Evaristo de Moraes (1871-1939), famoso por sua defesa dos fracos e dos pobres, tanto nos tribunais como na imprensa, motivado pelos fatos ocorridos em 26 de julho de 1920, escreve artigo de grande repercussão em que defende os que "praticando a doutrina espiritista, procuram, com a melhor das intenções, acudir as dores físicas e aos padecimentos morais de seus semelhantes".
7 de junho de 1923
Brasil
Publicada entrevista no "Jornal do Brasil" com o escritor Coelho Neto, anteriormente intransigente adversário do Espiritismo, que converteu-se a doutrina após ter participado, na extensão do escritório, da conversa ao telefone entre sua netinha, desencarnada em tenra idade, e a mãe dela.
15 de fevereiro de 1925
São Paulo, Brasil
Cairbar Schutel lança em Matão, interior de São Paulo, a "Revista Internacional de Espiritismo".
15 de Maio de 1925
Lisboa, Portugal
É realizado de 15 a 18 de Maio de 1925, no Ateneu Comercial de Lisboa, o
1º Congresso Português de Espiritismo.
1926
Inglaterra
Arthur Conan Doyle, famoso mundialmente pelos livros de "Sherlock Holmes", e figura de destaque no movimento neo-espiritualista inglês, publica o livro "The History of Spiritualism" . Até hoje uma das melhores obras sobre a história do movimento iniciado pelo plano espiritual em Hydesville e que prossegue em nossos dias. Nessa obra, cujo titulo foi traduzido equivocadamente para o português como "História do Espiritismo", a codificação de Allan Kardec é ainda apresentada em um plano secundário, conforme o ponto de vista dos espiritualistas ingleses da época.
Minas Gerais, Brasil
Em reuniões realizadas no "Centro Espírita de Lavras", no extremo sul do Estado de Minas Gerais, a médium Yvonne A. Pereira começa a participar das reuniões, recebendo através de sua mediunidade mensagens de espíritos desencarnados por suicídio. Através de sua mediunidade foram transmitidas diversas obras, romances de fundo doutrinário e narrativas de espíritos desencarnados, entre os quais não poderia se deixar de citar o escritor português desencarnado Camilo Castelo Branco.

****************************************************


fevereiro de 1900
Espanha
Publicado o livro "Memorias del Padre German" de Amalia Domingo Soler, que se tornaria sua obra mais conhecida. O livro reúne mensagens recebidas no "Centro Espiritista La Buena Nueva" copiadas e anotadas por Amalia, que em parte já haviam sido publicadas no periódico "La Luz del Porvenir".
2 de novembro de 1901
Ceará, Brasil
O jornal "Luz e Fé", de distribuição gratuita, é o primeiro jornal espírita do Ceará.
19 de novembro de 1901
Ceará, Brasil
Documentos registram a posse da nova diretoria do "Grupo Espírita Fé e Caridade", de Maranguape, fundado provavelmente nos últimos anos do século XIX e que foi o primeiro grupo espírita do Ceará.
1902
Alemanha
A médium Anna Rothe é processada e condenada a prisão por supostas fraudes nas sessões em que participava. Segundo o historiador Arthur Connan Doyle, que não descarta a possibilidade dela ter algumas vezes se utilizado de truques, as provas apresentadas durante o processo demonstraram que sua mediunidade era real. Ainda segundo Connan Doyle o discurso do procurador iniciou pelo trecho: "A Corte não se permite criticar a teoria espírita, porque deve ser reconhecido que a ciência, com a genialidade dos homens de cultura, declara que são impossíveis as manifestações sobrenaturais".
1904
Barcelona, Espanha
Fundado o "Centro Espírita Luz del Alma" (Atualmente denominado "Associación Catalana de Estudios Practicos del Espiritismo").
19 de março de 1904
Minas Gerais, Brasil
Inicio da divulgação do Esperanto no Brasil, com o aparecimento nas livrarias do primeiro livro em português destinado ao ensino da lingua internacional - a tradução feita por A. Caetano Coutinho do livro do Prof. Théophile Cart, "Premières leçons d'Esperanto" - e, em seguida, do primeiro curso ministrado por Caetano Coutinho a colegas da "Escola de Farmácia de Ouro Preto" e amigos.
Deve-se notar que antes dessa data já existiam alguns poucos Esperantistas no Brasil, entre eles o espírita Francisco V. Lorenz, que vindo da Europa residia então em São Feliciano, Rio Grande do Sul. Francisco V. L. já constava em 1896 como assinante brasileiro da revista "Lingvo Intenacia" editada pelo "Klubo Esperantista de Upsala" (Suécia).
23 de novembro de 1904
Boston, EUA
"Boston Journal" noticia a descoberta de um cadáver nas ruínas da casa da família Fox. O cadáver encontrado correspondia as informações prestadas pelo espírito do caixeiro viajante em suas comunicações a família Fox. Ele só foi encontrado devido ao desabamento de uma parede interna.
Dezembro de 1904
São Paulo, Brasil
Batuíra funda a "Instituição Cristã Beneficente Verdade e Luz", e passa-lhe como patrimônio a "Tipografia Espírita", onde desde 1890 era impresso o jornal espírita "Verdade e Luz" e dois sítios no município de Santo Amaro para o estabelecimento de agremiações para o socorro aos órfãos e às viúvas pobres, bem como o tratamento de enfermos e obsidiados.
1905
Berna, Suiça
Albert Einstein (1879-1955) começa uma revolução nos meios científicos com o primeiro de seus trabalhos sobre a "Teoria de Relatividade". A teoria da relatividade mudaria de modo significativo o pensamento cientifico e filosófico do mundo ocidental. Dentro das consequências filosóficas a "matéria" deixou de ser um elemento por si só, passando a ser uma forma de energia; as certezas da mecânica newtoniana, que tinham sido extrapoladas para outros campos do pensamento humano, mostraram-se aproximações da realidade.
Para o Espiritismo essa nova etapa do progresso cientifico trouxe apenas benefícios, que na realidade ainda estão para serem completamente explorados, os novos conceitos de matéria, energia, tempo e espaço são muito mais adequados as realidades descortinadas pelo estudo da mediunidade e do plano espiritual, que os velhos conceitos mecanicistas.
15 de julho de 1905
São Paulo, Brasil
Cairbar de Souza Schutel (1868-1938) funda em Matão, interior de São Paulo, Brasil, o "Centro Espírita Amantes da Pobreza". Na época Matão era um local de mataria grossa (de onde surgiu seu nome) e, como era comum em toda cidade do interior, sob forte influência do clero. Sob instigação do padre local, o centro espírita chegou até a receber uma ordem do delegado de policia para seu fechamento. Na sequência desse evento seguiu-se histórica conferência pública de Cairbar Schutel na praça da cidade para defesa do centro e do Espiritismo, onde não faltaram tentativas do padre para impedi-la.
agosto de 1905
Boulogne-sur-mer, França
Primeiro Congresso Universal de Esperanto onde 700 adeptos de varias partes do mundo comunicaram-se utilizando a língua universal do D-ro Esperanto. O sucesso desse primeiro congresso provou a viabilidade de uma língua auxiliar neutra que servisse de instrumento de comunicação entre os povos. Neste congresso foi aprovado o livro de Zamenhof, intitulado "Fundamento de Esperanto", em que se estabeleciam as bases da língua (Declaração sobre o Esperantismo). O livro continha as 16 regras gramaticais (1887), o conjunto de exercícios fundamentais (1894) e o Vocabulário Universal (1893).
15 de agosto de 1905
São Paulo, Brasil
Lançado em Matão, São Paulo - Brasil, o primeiro número do jornal espírita
"O Clarim", sob direção de Cairbar Schutel.
17 de março de 1906
São Paulo, Brasil
É fundado por Jean Keating (?-1925) e Tobias Rabello Leite (1852-1920), na cidade de Campinas, o primeiro grupo esperantista brasileiro, Suda Stelaro (A Estrela do Sul).
1907
Rio de Janeiro, Brasil
Realiza-se o "1.o Congresso Brasileiro de Esperanto" a que se segue a fundação da "BRAZILA ESPERANTO-LIGO" (Liga Esperantista Brasileira).
1908
França
É publicado o artigo "O Esperanto e o Espiritismo" de Camillo Chaigneau, na revista de Gabriel Delanne (1857-1926), também reproduzido no periódico "La Vie d'Outre-Tombe" de Charleroi.
janeiro de 1908
Lisboa, Portugal
Publicada a obra "Do País da Luz" do grande médium português Fernando de Lacerda, contendo mensagens recebidas de espíritos diversos.
24 de maio de 1908
São Paulo, Brasil
Batuíra, unido a outros confrades ilustres, constitui na capital paulista a "União Espírita do Estado de São Paulo" que se filiaria pouco depois a "Federação Espírita Brasileira".
1909
Brasil
O inventor Augusto de Oliveira Cambraia, que possui 17 patentes registradas em seu nome, inclusive do tecido que criou (a cambraia) encaminha para registro no Arquivo Nacional um protótipo do seu aparelho "Telégrafo Vocativo", um inusitado aparelho de comunicação a distância com a utilização de "almas". Não há notícias de que o aparelho tenha funcionado nas mãos de outras pessoas, porém se o tivesse feito, teria sido um dos precursores da Transcomunicação Instrumental de nossos dias. A busca de meios "técnológicos" para a comunicação com o plano espiritual não foi uma "excentricidade" apenas do inventor brasileiro, nela também se empenharam outros ilustres inventores como o americano Thomas Alva Edison e o italiano Guglielmo Marconi.
15 de fevereiro de 1909
Rio de Janeiro, Brasil
Aparece pela primeira vez na Revista Reformador um artigo sobre o Esperanto, "O Espiritismo e o Esperanto", com uma pequena apresentação e uma tradução do texto publicado em 1908 de Camillo Chaigneau : "(...) Pensando na quantidade de factos que a nós espíritas nos escapam por falta de tradução, na demora que essa mesma tradução traz á nossa documentação, parece que o Espiritismo deve ter todo o interesse em constituir uma revista central em que os fatos mais salientes possam agrupar-se, graças a uma linhua comum a todos os países. É preciso, pois, que o Espiritismo aproveite dessas vantagens. Somente o facto de se servir do Esperanto estabelece um laço fraterno entre todos os esperantistas, e favorece a intercomunicação das doutrinas escritas ou faladas. É de absoluta utilidade para toda ideia sincera (...)"
1910
Granada, Espanha
José Castillo Bravo, pastor de ovelhas, pessoa analfabeta e simples, começa a ensinar uma doutrina cristã baseada na reencarnação. Com a idade de 60 anos, começa a divulgar sua doutrina, bem como fatos sobre o passado, presente e o futuro, que despertam a curiosidade dos que vão escuta-lo. Suas explicações se baseavam na conduta exemplar que deve ter o homem para seu aperfeiçoamento e, principalmente, no "Amar ao Próximo". Com o tempo se formou um grupo de pessoas que seguiram seus ensinamentos, os quais posteriormente foram identificados como sendo iguais aos ensinamentos da Doutrina Espírita. Esse grupo, denominado "Los Pastoreros", prosseguiu na linha indicada por José Castilho, desencarnado em 1932. Junto com a previsão da guerra civil que se aproximava foi-lhes dada a orientação de que se afastassem da política, o que lhes garantiu a sobrevivência durante o período franquista. Em 1955, frente as dificuldades econômicas por que passava a Espanha, o grupo começou a trabalhar unido e fundou uma cooperativa agrícola no pueblo de Fuente Vaqueros, experiência realmente inédita no sentido de ter sido organizada segundo os ensinamentos que lhes foram deixados por seu fundador. O grupo, que participa da Federação Espírita Espanhola, e a sua cooperativa, existem até os dias de hoje, representando um modelo de organização que é bastante respeitado no seu país.
1911 - 1937
São Paulo, Brasil
Em 1911 é publicado o primeiro livro de Cairbar Schutel e criada em Matão, São Paulo - Brasil, a editora espírita "O Clarim". Nesse período se publicariam também de Cairbar Schutel: Espiritismo e Protestantismo (1911), Histeria e Fenômenos Psíquicos (1911), O Diabo e a Igreja (1914), Espiritismo para as Crianças (1918), Interpretação Sintética do Apocalipse (1918), Médiuns e Mediunidade (1923), Gênese da Alma (1924), Materialismo e Espiritismo (1925), Fatos Espíritas e as Forças X... (1926), Parábolas e Ensinos de Jesus (1928), O Espírito do Cristianismo (1930); A vida no Outro Mundo (1932), Vidas e Atos dos Apóstolos (1933), Livro de Preces (1936), Conferências Radiofônicas (1937), além de "Cartas a Esmo" e um livreto "O Batismo".
1912
Minas Gerais, Brasil
Inicia a obra mediúnica de Zilda Gama (Três Ilhas, Juiz de Fora - Minas Gerais, Brasil), com a psicografia do livro de poesias "Elegias Douradas". A autora do livro foi sua irmã Antonieta Gama, escritora e poetisa desencarnada em 1901.
Alemanha
Carl Gustav Jung (1875-1961), publica o livro "Transformações e Símbolos da Libido", em que começa a se afastar das ideias de Freud. Jung abriu novos campos na Psicologia, criando a chamada "Psicologia Analítica", onde a ênfase é dada a energia psíquica. Os fenômenos psíquicos são considerados de natureza energética, os complexos são nós de energia, os arquétipos são núcleos de energia e os símbolos são máquinas transformadoras de energia. São criadas as noções de individuação (que pode ser entendido como um processo natural de progresso psíquico do indivíduo) e de sincronicidade (a ocorrência de eventos "casuais" em sincronicidade com as necessidades psíquicas de evolução do indivíduo - no processo de individuação). Do ponto de vista de Jung a religiosidade é um fenômeno natural na psique humana e que sempre esteve presente, mesmo entre as tribos mais primitivas e na sua psicologia analítica o elemento espiritual e os fenômenos mediúnicos, se não são abertamente postulados, são extensões naturais. O trabalho deste cientista não só colocou a psicologia em dia com os conceitos da física moderna, em contraste com a "visão" mecanicista de Freud, como a colocou razoavelmente próxima das posições Espíritas.
Nas palavras de Jung (Memórias, Sonhos, Reflexões): "Posso facilmente imaginar que já vivi em séculos anteriores e ao deparar com perguntas a que ainda não posso responder, supor que me é necessário nascer novamente, por não ter completado a tarefa que me foi imposta. Quando morrer meus atos me seguirão. É pelo menos o que imagino".
1913
Genebra, Suíça

Realizado o Congresso Espírita de Genebra, presidido por Léon Denis.
***********************************************************


2 de agosto de 1888
Rio de Janeiro, Brasil
É empossada a primeira diretoria do Centro Espírita João Batista, criado em Amparo, povoado do município de Nova Friburgo, na casa de Hermano Hermsdorff. No final do século XIX aquela região fluminense era região de matas, que estavam sendo desbravadas por imigrantes suíços e alemães. Colonos esses que também trouxeram a semente do Espiritismo para a região, dentro os quais se destacam Hortência Gripp e sua família. Hortência iniciou a divulgação da doutrina em Amparo após receber (em torno de 1878 - 1880) de sua irmã Francisca Marchon (também pioneira do Espiritismo em Aldeia Velha no distrito de Casimiro de Abreu) os livros de Allan Kardec, culminando na organização de reuniões de estudos em sua residência e finalmente na criação do Centro Espírita João Batista. O prédio em que funciona atualmente o Centro é sua sede própria desde 1898.
outubro de 1888
Barcelona, Espanha
Realiza-se de 19 a 23 de outubro de 1888 o primeiro Congresso Internacional Espírita. Participam 70 sociedades espíritas espanholas, 18 sul-americanas, 124 francesas, 4 italianas, 2 belgas, 1 romena (Bucarest) e 1 russa (Odessa).
1889
São Paulo, Brasil
António Gonçalves da Silva (1839-1909), mais conhecido por Batuíra, comerciante e empreendedor de sucesso que tornou-se adepto do Espiritismo após a morte de seu filho de 12 anos e dedicou-se a diversas atividades de amparo aos desafortunados, passou a ser na cidade de São Paulo o agente da revista "O Reformador". Por essa época não havia no Estado de São Paulo qualquer periódico espírita.
1890
Paris, França
Publicação do Livro "Obras Póstumas" reunindo alguns textos de Allan Kardec que ainda não tinham sido publicados e outros ensaios que apareceram como artigos da Revue Spirite
Boêmia, Republica Checa
Francisco Valdomiro Lorenz (1872-1957) publica seu primeiro livro, "Plena Lernolibro de Esperanto por Cehoj", dedicado ao ensino do Esperanto. O autor era Espírita, Esperantista e defendia idéias políticas democráticas, o que o obrigaria logo após a publicação do livro a deixar o seu país (1891), então sob o domínio do império Austro-Hungaro, e emigrar para o Brasil. Conhecedor de mais de 80 idiomas, antigos e modernos, não só trabalhou ativamente na tradução de obras espíritas e espiritualistas para o Esperanto (a partir de 1937 colaborando com o Departamento de Esperanto da Federação Espírita Brasileira - é de sua autoria a excepcional tradução do texto hindu "Bhagavad-Gitá"), como também escreveu livros próprios sobre Espiritismo, Espiritualismo e Esperanto. Não se poderia deixar de citar o "Esperanto sem Mestre", utilizado como livro introdutório na língua internacional por grande número de espíritas brasileiros.
6 de abril de 1890
São Paulo, Brasil
Batuíra restabelece o grupo espírita "Verdade e Luz" e dá início a uma série de palestras sobre o "Evangelho segundo o Espiritismo".
20 de maio de 1890
São Paulo, Brasil
Batuíra lança o periódico espírita "Verdade e Luz" que passa a ser o único periódico espírita publicado na época em São Paulo. O jornal chegou a atingir, em 1904, a tiragem de onze mil exemplares distribuídos por todo o Brasil.
20 de outubro de 1892
Madrid, Espanha
Inaugura-se o Primeiro Congresso Espírita Espanhol que se estenderia até o dia 24 do mesmo mês.
1893
Estados Unidos da América
É fundada a "National Spiritualists' Association of America'
1894
Leipzig, Alemanha
Publicada a tradução em alemão do livreto "O que é o Espiritismo" de Allan Kardec (Ueber das Wesen des Spiritismus).
8 de novembro de 1895
Würzburg, Alemanha
O cientista Wilhelm Konrad Roentgen, da Universidade de Würzburg, ao terminar suas experiências no final do dia e desligar as luzes do laboratório percebe uma luminosidade emanando de um tubo de Crookes (tubo de ráios catódicos) envolto em papel preto. Os raios catódicos, do mesmo modo que a luz visível, não atravessam o papel preto: Estava descoberto um novo tipo de radiação, que Roentgen denominou Raios X.
1896
Inglaterra
O italiano Guilherme Marconi (1874-1937) patenteia o seu sistema de Rádio-Comunicação (Radiotelegrafia) que aperfeiçoa as descobertas de Hertz. Em 1897 Marconi já conseguiria fazer uma transmissão a distância de 55 quilômetros; em 1901 ocorreria a primeira comunicação transoceânica por Rádio; em 1912 o rádio telégrafo seria utilizado pelo transatlântico Titanic para emitir seu pedido de socorro e em 1920 surgiria o Rádio Comercial com a emissora KDKA de Pitsburg (EUA).
1 de março de 1896
Paris, França
O prof. Antoine Henri Becquerel, professor de Física no Museu de História Natural de Paris, descobre que o Urânio emite naturalmente radiações que podem ser registradas em chapas fotográficas.
1898
Leipzig, Alemanha
Publicada a tradução alemã do livro "Evolução do Espiritismo" de A. Aksakow (Verläufer des Spiritismus).
1899
Roma, Itália
O futuro criminalista grego e professor da Universidade de Atenas, Panes Yotopolos (1878-1965), se interessa pelo Espiritismo ao observar em Roma, Itália, o fenômeno das mesas girantes. Panes Yotopolos posteriormente participou de vários congressos espíritas, da criação da "Sociedade Metapsíquica Helênica", da criação do jornal espírita grego "O Mundo da Alma" e publicou diversos livros sobre o Espiritismo.
4 de novembro de 1899
Viena, Áustria
É publicado o livro "Die Traumdeutung" (A Interpretação dos Sonhos) de Sigmund Freud (1856-1939). Freud apresentou nessa obra os princípios fundamentais da Psicanálise, da qual foi o criador. A Psicanálise viria a revolucionar o tratamento das doenças mentais e dos problemas psíquicos dentro da ciência médica, pois os distúrbios da mente deixaram de ser considerados unicamente como disfunções orgânicas. Se reconheceu que a mente poderia adoecer devido a fatores puramente psíquicos. Freud, materialista convicto, via os processos psíquicos como resultantes de um jogo de pressões e resistências entre a parte consciente e a inconsciente da mente. Sua visão, de certo modo pessimista, dos processos mentais dava suma importância aos recalques sofridos durante a infância, não admitindo, de modo algum, qualquer tipo de princípio espiritual. A ciência médica ainda estava longe de reconhecer o Espírito e os complexos fenômenos que o envolvem, mas esse foi um primeiro passo rumo as novas realidades descortinadas após os fatos de 1848 em Hydesville.
1900
Argentina
Fundada a "Confederação Espiritista Argentina", entre seus doze fundadores se encontrava Cosme Mariño.
Milão, Itália
Surge o periódico "Luce e Ombra", criado por Angelo Marzoratti ( -1931) e que continua sendo publicado até nossos dias, dedicado a "Ricerca Psicchica" (tradução da expressão inglesa "Psychical Research"). O periódico contou com a participação de importantes cientistas italianos como Cesare Lombroso e Ernesto Bozzano (1862-1943).
fevereiro de 1900
Espanha
Publicado o livro "Memorias del Padre German" de Amalia Domingo Soler, que se tornaria sua obra mais conhecida. O livro reune mensagens recebidas no "Centro Espiritista La Buena Nueva" copiadas e anotadas por Amalia, que em parte já haviam sido publicadas no periódico "La Luz del Porvenir".
(Continua na próxima postagem)

 ******************************************************

1882
França
Léon Denis (1846-1927) inicia seu apostolado na divulgação do Espiritismo. Escritor e Filósofo, produziu obras marcantes entre as quais: Cristianismo e Espiritismo; Depois da Morte; Espíritos e Médiuns; Joana D'Arc, Médium; O Porque da Vida; O Problema do Ser, do Destino e da Dor; Socialismo e Espiritismo; além de artigos em jornais e na Revue Spirite.
Inglaterra
Criação da "Society por Psychical Research" destinada a desenvolver pesquisas cientificas isentas sobre os fenômenos mediúnicos. Seu trabalho, que marcou uma fase na história do Espiritualismo, teve porêm a falha de tratar os médiuns de forma excessivamente rigorosa, com suspeitas e acusações levianas, afastando aqueles que mais poderiam contribuir ao sucesso de seus objetivos. Segundo Arthur Conan Doyle, em sua época a Sociedade possuía uma excelente sala de reuniões, a grande dificuldade era convencer um médium a entrar nela.
22 de março de 1882
Brasil
Primeira edição em língua portuguesa do livro "A Gênese".
2 de novembro de 1882
França
Pela primeira vez se manifesta para Léon Denis o espírito 'Jerônimo de Praga', que iria acompanha-lo no seu apostolado.
21 de janeiro de 1883
Paris, França
Desencarna Amélie-Gabrielle Boudet (1795-1883), esposa de Allan Kardec.
Rio de janeiro, Brasil
Lançada a revista "Reformador" por Augusto Elias da Silva (1848-1903).
1884
Alemanha
As experiências do físico alemão Heinrich Hudolf Hertz (1857-1894) revelam de forma cabal o fenômeno das ondas eletromagnéticas.
2 de janeiro de 1884
Rio de Janeiro, Brasil
Criação no Rio de Janeiro da "Federação Espírita Brasileira", FEB, pelo grupo de espíritas reunidos em torno de Augusto Elias da Silva e da revista Reformador. Uma informação interessante, mostrando a posição da FEB com relação ao grave problema da escravidão, que mobilizava a opinião pública, foi a alforria promovida nesse mesmo ano através de uma subscrição popular.
15 de janeiro de 1884
Rio de Janeiro, Brasil
A revista Reformador passa a ser órgão da Federação Espírita Brasileira.
1885
Alemanha
Eduard von Hartmann, autor do livro "Filosofia do Inconsciente", publica uma brochura intitulada "Espiritismo" em que ataca o Espiritismo: "Do ponto de vista da filosofia de Hartmann a ação dos espíritos é inadmissível e a imortalidade pessoal uma ilusão". O livro foi refutado pelo russo Alexandre Aksakof em artigos publicados na revista "Psychische Studien".
1886
Quisiro, Venezuela
Se constitui o primeiro agrupamento espírita venezuelano, a "Sociedad Espírita de Quisiro", graças aos livros de Amalia Domingo Soler que, por ordem desta, foram distribuídos entre alguns livre pensadores por um espiritista de uma companhia teatral ambulante de artistas espanhóis.
16 de agosto de 1886
Rio de Janeiro, Brasil
No salão da FEB, na rua da Guarda Velha, atual Avenida 13 de maio, o eminente político e médico Dr. Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti (1831-1900), proclama solenemente sua adesão ao Espiritismo. O salão com capacidade para 1500 pessoas estava completamente lotado.
novembro de 1886 a dezembro de 1893
Rio de Janeiro, Brasil
Bezerra de Menezes, sob o pseudônimo de Max, publica a série de artigos "Estudos Filosóficos" no jornal "O Paiz", que marcaram profundamente a propaganda espírita no Brasil.
1887
Paris, França
Camille Flammarion cria a "Société Astronomique de France", cujos trabalhos, para difundir os estudos sobre o Universo, continuam até os dias de hoje.
26 de julho de 1887
Polônia
Lázaro Luíz Zamenhof (1859-1917) de Bialystok, publica sob o pseudonimo D-ro Esperanto a obra "Lingvo Internacia, Antaüparolo kay Plena Lernolibro" em que define um nova lingua para uso internacional. O pacifista Zamenhof propôs uma língua neutra, de fácil aprendizado e que permitisse a todos o domínio de uma segunda língua, além da natal, para comunicação internacional. O fato da lingua ser neutra, isto é, não pertencente a nenhum povo ou raça em particular, colocaria todos os seus falantes em condições de igualdade, ajudando portanto a uma convivência pacífica entre os povos. Devido ao pseudonimo adotado em seu livro, a lingua tornou-se conhecida como ESPERANTO.
Os ideias humanitários associados ao ESPERANTO logo atraíram muitos espíritas que acabaram levando aos seus respectivos grupos espíritas a esperança de uma língua universal. Desse modo é muito comum encontrar-se em grupos espíritas cursos de ESPERANTO e que diversos livros espíritas tenham sido traduzidos para esse idioma. Não se pode também esquecer que no outro sentido também ocorreram muitas adesões, ou seja, muitos esperantistas foram atraídos pela doutrina espírita e deram valiosa contribuição a sua propagação.
13 de maio de 1888
Rio de Janeiro, Brasil
Assinada pela Princesa Isabel (1846-1921), atuando como regente durante viagem do Imperador Dom Pedro II, a "Lei Áurea", que extinguiu a escravidão no Brasil. A lei completou o lento processo iniciado em 1850 com a proibição do tráfego negreiro, seguindo-se a Lei do Ventre Livre de 1871 e a Lei dos Sexagenários de 1885.
Importante destacar que uma das consequências da aprovação dessa lei foi a perda de sustentação da monarquia entre os grandes proprietários de terras. A monarquia, que já se encontrava enfraquecida pelo estado de saúde do Imperador e por crises com os militares e a igreja, seria substituida pela republica em 1889.
D. Pedro II, um dos mais notáveis governantes da história brasileira, era por si próprio contrário a escravidão, porém de temperamento prudente temia lançar o país em uma crise das proporções enfrentadas pelos Estados Unidos, país que só conseguiu eliminar a escravidão após uma sangrenta guerra cívil (1861-1865).
Ainda está para ser escrita uma história da participação dos espíritas no movimento abolicionista, mas quando for escrita com certeza o Dr. António da Silva Neto (1836-1905), pioneiro do Espiritismo no Brasil e abolicionista convicto, merecerá destaque. Autor desde 1866 de vários trabalhos anti-escravagistas, fez em 1886 memorável palestra no Salão da FEB, na rua da Velha Guarda, encerrada com a citação de trechos do "O Livro dos Espíritos" contra a escravidão.

( Continua )
********************************************************

Janeiro de 1875
Rio de Janeiro, Brasil
Fundada pelo Dr. António Silva Neto, a "Revista Espírita", primeiro periódico espírita do Rio de Janeiro. Esta cidade era então a capital do Brasil (Império do Brasil), sediando a Corte Imperial e consequentemente o centro da vida político e cultural brasileira.
16 de junho de 1875
Paris, França
Instaurado pelo Ministério Público Francês o processo que ficaria conhecido como o "Procès des Spirites" (O Processo dos Espíritas). Esse processo, sob a acusação de falsificação de fotos de espíritos pelo fotógrafo Bouget, foi utilizado para atacar o Espiritismo, envolvendo injustamente o redator-chefe da "Revue Spirite", Pierre-Gaëtan Leymare (1827-1901), que conhecia o fotógrafo e publicou um artigo sobre ele na revista.
Parece certo que Buget era realmente médium e que chegou a obter fotografias verdadeiras de espíritos, porém levado pela ganância, serviu-se, como ele próprio chegou a confessar, de fraudes quando nada conseguia normalmente. Quanto a Leymare, Buget declarou em carta enviada ao ministro da Justiça, que ele tinha sido vitima de suas fraudes e que nada sabia a respeito das falsificações.
Apesar do imenso apoio recebido, não só dos espíritas franceses, como do exterior (até mesmo do Brasil) e de todas as declarações atestando sua integridade moral, Leymare foi condenado a um ano de reclusão (deu entrada na prisão de la Santé em 22 de abril de 1876).
Os fatos envolvendo o processo e a defesa apresentada, estão registrados no magistral trabalho de sua esposa, Madame Marina P. G. Leymare, o livro documentário "Procès des Spirites". Uma tradução para o português foi publicada pela FEB no centenário da instauração do processo.
14 de fevereiro de 1876
Estados Unidos da América
Alexander Graham Bell (1847-1922) patenteia o Telefone. Uma curiosidade histórica é que o invento ganhou notoriedade após chamar a atenção de um visitante ilustre, o Imperador do Brasil D. Pedro II (1825-1891), quando de sua apresentação na Exposição do Centenário da Independência dos Estados Unidos realizada na Filadelphia. 
26 de abril de 1876
Rio de Janeiro, Brasil
Francisco Leite de Bittencourt Sampaio (1834-1895) funda a "Sociedade Espírita Deus, Cristo e Caridade", na qual era dado destaque ao estudo do Evangelho à luz do Espiritismo. Essa foi a primeira sociedade espírita brasileira dedicada de forma regular aos estudos evangélicos. Bittencourt Sampaio presidia os trabalhos e, através de sua mediunidade, os Espíritos receitavam remédios homeopáticos.
1877
Espanha
Uma pesquisa revela que no ano de 1877 existiam 112 Sociedades Espíritas em toda a Espanha.
9 de fevereiro de 1877
Buenos Aires, Argentina
Fundada a "Asociación Espiritista Constancia", que contaria em seus quadros, a partir de 1879, com Cosme Mariño (1847-1927), personagem de destaque na história do Espiritismo Argentino.
4 de novembro de 1877
Buenos Aires, Argentina
Lançada a revista espírita "Constancia". A revista contou em sua direção com a figura de Cosme Mariño, que a dirigiu até sua desencarnação em 1927. Merece ser destacado que em sua carreira jornalística Cosme Mariño também fundou, junto com o jornalista José C. Paz, o grande diário portenho "La Prensa".
1878
Barcelona, Espanha
Publicada no jornal "La Gaceta de Cataluña" o primeiro dos célebres artigos escritos por Amalia Domingos Soler respondendo a ataques contra a doutrina Espírita. Nesse ano respondeu em abril a ataques do sacerdote dom Manuel Lasarte e em novembro respondeu aos sermões do conêgo dom Vicente Manterola. Em 1879, o mesmo Manterola publicaria "El Satanismo, o sea la Cátedra de Satanás, combatida desde la Cátedra del Espiritu Santo, Refutacion de los errores del Espiritismo", que Amalia refutaria, palavra por palavra, em 46 artigos.
Austrália e Nova Zelândia
A médium inglesa Emma Hardinge Britten faz uma excursão promovendo o Espiritualismo Moderno.
1879
Barcelona, Espanha
Amalia Domingo Soler funda o periódico espírita "La Luz del Porvenir". Ao ser publciado o seu artigo "A Ideia de Deus" surgiu tal celeuma que a revista foi suspensa, por manobra dos interesses religiosos dominantes, durante 42 semanas. Durante essa supensão Amalia, com a colaboração de J. Torcentes, substitui temporariamente "La Luz del Porvenir" pela revista "El Eco de la Verdad" (26 números).
1879 - 1899
Barcelona, Espanha
Amalia Domingo Soler dirige a revista Espírita "La Luz del Porvenir". Matilde Fernandes e Cândida Saus colaboram com ela na redação da revista.
1880
Leipzig, Alemanha
É publicada a obra "Stimmen aus dem Reich der Geister" (Vozes do reino dos espíritos), do Dr. Robert Friese: "O importante processo que chamamos morte é também uma simples separação do corpo espiritual, e da alma que nele vivia, do corpo físico ou corpo material. Uma espécie de passagem que se poderia denominar de uma troca de moradia da alma..."
1881
Barcelona, Espanha
Criada por Miguel Vives y Vives a "Federación Espiritista de Cataluña".
6 de setembro de 1881
Rio de Janeiro, Brasil
Primeiro congresso espírita no Brasil. Nessa ocasião D. Pedro II (Pedro de Alcântara, 1825-1891), imperador do Brasil, recebe uma comissão espírita.


 ( Continua )
*****************************************

1870 - 1913 Tempos de Pioneiros

De 1870 a 1913 vemos a Doutrina Espírita se estendendo por vários países, principalmente na Europa continental e nos países latinos. No mundo Anglo-Saxão o Novo Espiritualismo se desenvolve de forma paralela, rejeitando de início a reencarnação e sem uma unidade doutrinária, mas também caminhando firmemente.
A ciência comum também está em um período de grandes mudanças, a visão Newtoniana do mundo cede terreno a novas concepções, que transformarão de forma surpreendente o pensamento do século XX. Na Medicina, na Biologia, na Psicologia, na Sociologia, na História, enfim em todos os campos do saber humano, se vê intensa atividade na criação e definição de novos conhecimentos e rumos.
Infelizmente esse período, que corresponde ao apogeu das nações Européias, corresponde também ao período em que essas nações mergulharam nas disputas coloniais e armamentistas. O orgulho e a insensatez plantaram nesse período as amargas sementes que germinariam de 1914 em diante.
1870
Leipzig, Alemanha
Publicada em Leipzig, Alemanha, a tradução alemã do livro "Deus na Natureza" de Camille Flammarion (Gott in der Natur).
Inglaterra
O químico e físico inglês William Crookes (1832-1919) inicia sua famosa pesquisa sobre os fenômenos mediúnicos de materialização. Com o auxílio da médium Florence Cook e do espírito Katie King, são realizadas diversas experiências com todo o rigor científico possível na época. Os resultados foram publicados em 1874 e consta que o cientista sofreu diversas retaliações por ter confirmado a origem espiritual dos fenômenos.
Buenos Aires, Argentina
Dom Justo de Espada, nativo de Málaga, Espanha, funda a primeira sociedade espírita argentina.
1871
Tarrasa, Espanha
Miguel Vives y Vives (1842-1906) conhece o Espiritismo quando ao se encontrar muito enfermo é conduzido a um grupo espírita que o cura. Dedicando-se ao Espiritismo, destacou-se como médium de incorporação, psicógrafo e de curas. Foi o primeiro a introduzir o Espiritismo no Teatro. Fundou o Centro Espiritista de Tarrasa com o nome de "Fraternidad Humana".
1872
Madrid, Espanha
É publicado no periódico espírita "El Critério", na página de rosto da edição de número 9 de 1872, o primeiro artigo espírita escrito por Amália Domingo Soler.
1873
Alicante, Espanha
Amália Domingos Soler inicia sua colaboração no periódico espírita "La Revelación" de Alicante. Pelo mesmo período ela começa a participar das reuniões da "Federación Espiritista Española", através de recomendações que lhe foram fornecidas, a seu pedido, pela sociedade de Alicante.
Lérida, Espanha
Fundado por José Amigo y Pellicer o "Circulo Espiritista" e posteriormente o periódico espírita "El Buen Sentido".
Liverpool, Inglaterra
A partir de um congresso em Liverpool é criada a "British National Association of Spiritualists". Essa associação contribuiu com a expansao do Moderno Espiritualismo na Grã-Bretanha, devido aos homens públicos bem conhecidos e senhoras da alata sociedade que a ela se associaram.
2 de agosto de 1873
Rio de Janeiro, Brasil
Fundado o grupo espírita "Confucius". O nome do grupo foi dado em homenagem a um espírito, que vinha desde algum tempo, ensinando elevados princípios de moral em reuniões particulares. Característica interessante dessa primeira sociedade espírita juridicamente constituída no Brasil era a preponderância de pessoas ligadas a homeopatia.
O grupo "Confucius" duraria menos de três anos como resultado de discórdias internas. Na raiz do problema estava a posição de alguns de seus participantes, refletida nos estatutos da sociedade (artigo 28), que aceitavam da codificação somente "O Livro dos Espíritos" e "O Livro dos Médiuns", ou seja, não aceitavam as consequências religiosas resultantes do "Evangelho segundo o Espiritismo".
25 de dezembro de 1873
Bordeux, França
É psicografada, através da médium Mme. W. Krell, a "Prece de Cáritas" de autoria do Espírito Cáritas. Repetida por gerações de espíritas é ainda hoje uma das preces mais difundidas. Mme. W. Krell era uma das grandes médiuns de seu tempo, tendo psicografado com perfeição tanto poesias de eminentes nomes da literatura francesa como na prosa textos de: Espírito de Verdade, Dumas, Lacordaire, Lamennais, Pascal, Ésopo, Fénelon e diversos outros. As mulheres em geral não eram muito frequentes nas comunicações, mas entre elas se destacava Cáritas, que preferia temas religiosos. Vale lembrar que o nome escolhido pelo Espírito significa em látim "Caridade". No livro "Rayonnements de la Vie Spirituelle", publicado em maio de 1875, foram preservadas comunicações recebidas pelo grupo de Bourdeaux.
4 de abril de 1874
Espanha
Amalia Domingo Soler lê em reunião da Federación Espiritista Española o seu poema "A La Memoria de Allan Kardec". Nas suas próprias palavras, incia-se uma nova etapa de sua vida, em que passa a tomar parte atuante entre as fileiras dos propagandistas do Espiritismo.
1875
Inglaterra
Dr. Alfred Russel Wallace publica o seu famoso livro "On Miracles and Modern Spiritualism" (Sobre Milagres e o Moderno Espiritualismo).
1875-1876
Rio de Janeiro, Brasil
Joaquim Carlos Travassos (1839-1915) faz as primeiras traduções no Brasil das obras básicas de Kardec: O Livro dos Espíritos (1875), O Livro dos Médiuns (1875), O Céu e o Inferno (1875) e O Evangelho segundo o Espiritismo (1876). Através desse trabalho de tradução a codificação espírita foi colocada ao alcance do leitor comum, que não dominava a língua francesa, contribuindo significativamente para a divulgação do Espiritismo no Brasil.
Como curiosidade histórica é interessante destacar que foi a tradução de Joaquim Carlos Travesso, recém saída do prelo, que ofertada a seu amigo Bezerra de Menezes (1831-1900) o levaria a tornar-se espírita.

(Continua)
**********************************



15 de janeiro de 1861
Paris, França
É publicado o "O Livro dos Médiuns" de Allan Kardec.
abril de 1861 - abril de 1865
Estados Unidos

Guerra Civil nos Estados Unidos. O evento, que teve como pivô a eleição de Abraham Lincoln (1809-1865) para a presidência da República e sua forte posição antiescravagista, diz muito sobre o período histórico em questão, quase metade dos Estados Unidos entraram em guerra com a outra metade pelo direito de escravizarem seres humanos !
9 de outubro de 1861
Barcelona, Espanha
Por ordens do Bispo de Barcelona se realiza o celebre Auto-de-fé em que foram queimados trezentos volumes e brochuras sobre Espiritismo, entre eles:
  • Exemplares da Revue Spirite;
  • "O Livro dos Espíritos", Allan Kardec;
  • "O Livro dos Médiuns", Allan Kardec;
  • "O que é o Espiritismo", Allan Kardec;
  • "Fragmento de uma Sonata", ditado pelo Espírito Mozart;
  • "Carta de um Católico sobre o Espiritismo", Dr. Grand;
  • "A História de Joana D'Arc", médium Mlle. Ermance Dufaux, Autora Joana D'Arc;
  • "A realidade dos Espíritos demonstrada pela escrita direta", Barão de Guldenstubbé;
Extenso relato do evento, realizado na mesma esplanada onde eram executados os criminosos condenados a morte, foi publicado no periódico barcelonense "La Corona", que se manisfestou contra tal ato.

1862
Paris, França
É publicado o livro "A pluralidade dos Mundos Habitados" de Camille Flammarion (1842-1925). Nesta obra filosófica, o astrônomo e filósofo francês, Espírita desde os primeiros momentos da doutrina, apresenta a defesa da pluralidade dos mundos habitados baseando-se em argumentação cientifica e lógica, dentro dos conhecimentos da época.
Paris, França
É publicada a tradução em português da brochura de Allan Kardec "O Espiritismo em sua mais simples Expressão". A tradução feita por Alexandre Canu foi impressa em Paris no mesmo ano da 1.a edição francesa e chegou a chamar a atenção do próprio Kardec.
janeiro de 1862
Paris, França
É publicada a brochura "O Espiritismo em sua mais simples Expressão" de Allan Kardec.
1863
Washington, Estados Unidos da América
São realizadas sessões mediúnicas na Casa Branca, residência oficial do presidente dos Estados Unidos, o presidente Abraham Lincoln (1809-1865) ocupava então o cargo.
29 de abril de 1864
Paris, França
Publicado o livro "O Evangelho segundo o Espiritismo" de Allan Kardec.
1 de maio de 1864
Roma, Itália
Obras Espíritas no "Index Librorum prohibitorum" da Igreja Católica.
1865
Inglaterra

O Físico James Clerk Maxwell apresenta sua teoria dos fenômenos eletromagnéticos, unificando as teorias parcias existentes. As equações de Maxwell permitiram não só a descrição matemática dos fenômenos conhecidos como conduziram a novos experimentos e descobertas. A nova teoria traz um conceito totalmente novo, as equações apresentadas são equações de "campos" de energia e não de pontos "materiais" como todas as outras equações da mecânica newtoniana.
Alemanha
Primeiro jornal alemão dedicado ao estudo dos fenômenos mediúnicos: Psyche.
1 de agosto de 1865
Paris, França
Publicado o livro "O Céu e o Inferno" de Allan Kardec.
17 de setembro de 1865
Salvador, Bahia
"Grupo Familiar do Espiritismo" fundado no Brasil por Luiz Olímpio Teles de Menezes (1825-1893).
Dezembro de 1865
Paris, França
É publicado em folhetim no jornal francês Moniteur Universal o primeiro romance de temática espírita. Sob o título de "SPIRITE" (Espírita), o trabalho de autoria de um dos grandes nomes da literatura francesa Théophile Gautier, gira em torno das manifestações do espírito de uma moça que procura ajudar o homem por quem se apaixonara em vida. O fato do amor ter permanecido ignorado levou ao título usado na tradução em português, "O Ignorado Amor" (Editora O Clarim).
Esse primeiro romance espírita chamou a atenção de Allan Kardec e foi motivo de artigos na Revue Spirite (Os Romances Espíritas - Dezembro 1865, Notícias Bibliográficas, Espírita - Março 1866).
Cabe ressaltar que, antes do advento do rádio e da televisão, o folhetim era equivalente em sucesso de público as novelas modernas e normalmente os romances da época eram publicados inicialmente nesse formato.
25 de dezembro de 1865
Rio de Janeiro, Brasil
Uma observação deixada pelo espírita Manuel de Araújo Porto, Barão de Santo Ângelo, em sua correspondência com o amigo Joaquim Manuel de Macedo (escritor brasileiro, autor do livro "A Moreninha"), registra o interesse despertado pelo Espiritismo na corte brasileira: "a Princesa Isabel lhe pedira para saber quem era seu protetor".
1866
Salvador, Bahia
Publicado o opúsculo "O Espiritismo - Introdução ao Estudo da Doutrina Espírita" com extratos de "O Livro dos Espíritos" traduzidos por Luiz Olímpio Teles de Menezes.
Rio de Janeiro, Brasil
António da Silva Neto (1836-1905), baiano radicado no Rio de Janeiro, publica seu trabalho "Estudos sobre a Emancipação dos Escravos no Brasil". O autor defende nesse trabalho a proposta, que seria efetivada em 1871 com a "Lei do Ventre Livre", de libertar os recém-nascidos. Fazendeiro, que por iniciativa própria alforriou seus escravos, defendia a libertação sem pagamento de indenização aos proprietários.
1867
Paris, França
Camille Flammarion (1842-1925) publica o livro "Deus na Natureza" em que, segundo suas palavras, procura "representar os estado atual dos nossos conhecimentos precisos, sobre a Natureza e o homem".
junho de 1867
França
Uma noticia a respeito do uso terapêutico de PASSES em um grupo espirita é publicada na Revue Spirite (Grupo Curador de Marmande).
1868
Barcelona, Espanha
Fundada a "Revista de Estudios Psicológicos" por José Maria Fernandez Colavida (1819-1888). Fernandez Colavida foi o primeiro tradutor das obras de Allan Kardec para o Espanhol e presidente de honra do Primeiro Congresso Espírita Internacional Espírita, realizado em Barcelona em 1888.
Madrid, Espanha
Amalia Domingo Soler (1835-1909), natural de Sevilha, acometida de grave enfermidade nos olhos e em extrema penuria, afasta-se do catolicismo e frequenta a "Capela Evangélica da Rua de Calatrava" . Por essa época, através do médico homeopata Dr. Hysern, chega ao seu conhecimento a notícia de que existiam "(...) uns novos loucos que creem com a melhor boa fé deste mundo que a alma vive, melhor dizendo o espírito, que assim o chamam eles à força inteligente, que dá vida ao organismo humano, - vive por toda a eternidade, encarnando tantas vezes quanto necessitar, na Terra e em outros mundos, e essa série de existências servem para adquirir-se conhecimentos, aperfeiçoar-se e pagar ao mesmo tempo os desmandos, as felonias, as traições, os atropelos e demais abusos cometidos em outras encarnações (...)". O Dr. Hysern também lhe conseguiria um exemplar do periódico espírita "El Critério" e a partir daí Amália não descansaria até encontrar uma família espírita que lhe emprestasse os livros de Allan Kardec. Iniciava-se assim o apostolado da grande escritora e poetisa, divulgadora incansável da Doutrina Espírita.
6 de janeiro de 1868
Paris, França
Livro "A Gênese" de Allan Kardec.
1 de novembro de 1868
Paris, França
Allan Kardec faz o célebre discurso de abertura da sessão comemorativa do dia dos mortos, na Sociedade de Paris. Esse discurso constitue peça importante para a compreensão do que Kardec entendia por "religião", como encarava o papel desempenhado pelas "religiões", a sua visao da Doutrina Espírita dentro deste contexto e porque preferia não apresentar o Espiritismo como uma religião. O discurso foi publicado na Revista Espirita de dezembro de 1868.

1869
Viena, Áustria
Publicada a tradução em alemão do livreto "O Espiritismo em sua mais simples expressão" de Allan Kardec (Der Spiritismus in seinem einfachsten Ausdruck).
Rio de Janeiro, Brasil

Publicada a tese "A Escravidão no Brasil e Medidas que Convém Tomar para Extingui-la sem Danos para a Nação", do ilustre médico e político Dr. Bezerra de Menezes (1831-1900).

31 de março de 1869
Paris, França
Desencarna Allan Kardec. Segundo Zeus Wantuil e Francisco Thiesen, em sua obra "Allan Kardec" (FEB): "Henri Sausse fez referências aos grandes e variados encargos de Allan Kardec, aos esforços físicos e intelectuais, que já lhe vinham prejudicando a saude, e às recomendações dos Espíritos no sentido de moderar-se nas atividades a fim de poder concluir a obra pela qual era responsável. Não deixou de mencionar, ainda, que ele dispunha de constituição física para viver cem anos, mas que possuia coração sensível, sendo de admitir-se que a origem do aneurismo que o vitimara, se devesse, entre outras causas, as traições, insultos e calúnias sistemáticas assacadas contra ele - causadoras de emoções fortes. Kardec, porém, gênio benfeitor e benfazejo, de conduta irrepreensível, mais sofria diante das injustiças partidas de espíritas futeis e levianos."
julho de 1869
Salvador, Bahia
Lançado por Luiz Olímpio Teles de Menezes (1825-1893) o jornal "Eco D'Além Túmulo", o primeiro periódico Espírita Brasileiro.
outubro de 1869
França, Paris
A Revue Spirite publica em sua seção bibliográfica notícia a respeito do jornal brasileiro "Eco D' Alem Túmulo", lançado em julho de 1869.

(A seguir 1870 a 1913)





1856
Paris, França
Sessões na casa do Sr. Baudin, nessas sessões começou-se a formar o "Livro dos Espíritos".
25 de março de 1856
Paris, França
O prof. Rivail toma conhecimento da existência do seu guia espiritual - o espírito que ficou conhecido sob o nome "A Verdade" - que o acompanharia na tarefa de codificação do Espiritismo.
30 de abril de 1856
Paris, França
O prof. Rivail é informado através da médium Srta. Japhet da missão que lhe estava destinada. A mensagem é transmitida em sessão realizada na casa do Sr. Roustan, sendo que a comunicação foi feita com o uso da "cesta" (Uma cesta com um lápis preso em sua extremidade - esse mecanismo foi uma etapa intermediária entre a mesa girante e a psicografia)
4 de agosto de 1856
Roma, Itália
O Santo Ofício condena o fenômeno das mesas girantes, tachando de hereges as pessoas por intermédio das quais eram produzidos.

1857 - 1869 A Época da Codificação Espírita

Os acontecimentos de Hydesville correspondem a um marco importante na História, mas é com o surgimento do "O Livro dos Espíritos" e com as demais obras de Allan Kardec que as consequências científicas, morais e filosóficas dos novos fenômenos são consolidadas em um corpo doutrinário lógico e preciso. No período de 1857 a 1869 Allan Kardec se dedica integralmente a esse trabalho, que ficou conhecido como a "Codificação Espírita".
18 de abril de 1857
Paris, França
Publicado o livro "O Livro dos Espíritos" de H. L. D. Rivail sob o pseudônimo de Allan Kardec. O livro foi o resultado do estudo científico dos fenômenos mediúnicos; da compilação, análise e condensação de mensagens recebidas através de mais de uma dezena de médiuns e de uma plêiade de Espíritos supervisionados pelo Espírito "A Verdade". Se iniciava a Codificação Espírita, obra a qual Allan Kardec se dedicaria até sua desencarnação em 1869.
1 de janeiro de 1858
Paris, França
Primeiro número da "Revue Spirite" editada por Allan Kardec. Esta revista que seria dirigida por Allan Kardec até sua desencarnação em 1869, constitui, além do seu aspecto doutrinário, uma das mais importantes fontes históricas dos primeiros anos do Espiritismo. Nela foram publicados artigos e ensaios que serviram como estudos preliminares para as obras básicas da codificação e em suas páginas estão registrados os passos iniciais da divulgação do Espiritismo na França e no mundo.
1 de abril de 1858
Paris, França
Fundada em Paris a "Societé Parisiense des Études Spirites" (Sociedade Parisiense De Estudos Espíritas). Nas palavras de Kardec: "A extensão, por assim dizer universal que tomam, diàriamente, as crenças espíritas fazia desejar-se vivamente a criação de um centro regular de observações. Esta lacuna acaba de ser preenchida" (Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas, Revue Spirite - maio de 1858).
13 de abril de 1858
Paris, França
A criação da "Societé Parisiense des Études Spirites" é autorizada por portaria do Prefeito de Polícia, conforme aviso do Ministro do Interior e da Segurança Geral.
1859
Inglaterra

Charles Darwin publica o livro "A Origem das Espécies" que impõe nas ciências biológicas o conceito de evolução das espécies. O livro, que causou profundo impacto no pensamento cientifico e filosófico, sofreu forte reação da maior parte das correntes religiosas, que consideravam a teoria de evolução das espécies uma afronta a Deus e a Bíblia. Já para os Espíritas a obra nada tinha de ofensivo, pois do ponto de vista do Espiritismo, Darwin descobriu uma outra faceta da lei de progresso que rege a natureza. Nada mais lógico do que o aperfeiçoamento gradativo das formas corpóreas em consonância com a evolução dos espíritos que as utilizam.

1860
Rio de Janeiro, Brasil
O prof. Casimir Lieutaud, poeta e contista, diretor-fundador de um Colégio onde se lecionava a língua francesa, dava a público a primeira obra de caráter espírita impressa no Brasil, "Les Temps sont arrivés" (Os tempos são chegados).
setembro de 1860
França
Primeira viagem de divulgação Espírita. Empreendida por Allan Kardec com destino a Lião e algumas cidades no trajeto.
19 de setembro de 1860
França
Allan Kardec é recebido no Centro Espírita de Broteaux, Lion, pelo dirigente do grupo, Sr. Dijou.



26 de julho de 1852
Paris, França
O jornal L'Univers é o primeiro jornal Francês a dar maior destaque a questão do Espiritualismo Moderno, no artigo "Les spiritualistes d'Amérique".
1853
Europa
O fenômeno das mesas girantes causa sensação na Europa.
Yorkshire, Inglaterra
David Richmond cria a primeira "Igreja Espiritualista" (Spiritualist Church) na Inglaterra.
Augsburg, Alemanha
O número 94 da Gazeta de Augsburg, publica o artigo sobre a primeira ocorrência das mesas girantes na Alemanha, onde o Dr. André, de Bremen, narra o acontecimento com minuciosidade. Personalidades da Universidade de Heidelberg se reúnem para analisar tais fenomenos.
Alemanha
O compositor Robert Schumman passa a se interessar pelos fenômenos das mesas girantes e inicia experiências em sua própria casa
Gota, Alemanha
É publicada a obra "As mesas girantes: sessenta e quatro novas experiências físicas com indicação dos resultados obtidos", do professor de matemática e física do Seminário de Gota, o Sr. C. E. Hering, na qual conclui que a força atuante possuia propriedades opostas ao magnetismo.
Düsseldorf, Alemanha
É publicado o livro "Tischrucken und Tischkloppen: Eine Tatsache" (Mesas Girantes e Mesas Batedoras: Um Fato), da autoria de C. H. Schaünberg.
10 de junho de 1853
Paris, França
Os Espíritos indicam como utilizar o cesto em substituição a mesa girante como meio de comunicação: "Vá buscar no quarto ao lado a cestinha; prenda nela um lápis, coloque-a sobre o papel e ponha-lhe os dedos na borda". Tal fato está registrado no cápitulo "Introdução ao Estudo da Doutrina dos Espíritos" (O Livro dos Espíritos). Pela mesma época instruções semelhantes foram passadas pelos Espíritos na América e em diversos outros países.
14 de junho de 1853
Rio de Janeiro, Brasil
"Jornal do Comércio" publica a primeira noticia sobre mesas girantes no Brasil, segundo o correspondente do jornal em Berlim: "Não há neste momento uma reunião em Alemanha na qual não se fale da nova importação Americana - the moving table, e não se experimente mais de uma vez o fenômeno".
24 de dezembro de 1853
Paris, França
O jornal "L 'Illustration" publica nota em que informa a colocação das mesas girantes no INDEX (relação de obras e assuntos condenados pela Igreja) pelos Bispos de Orleães e de Viviers.
1854
Inglaterra
A conversão de Robert Owen, livre-pensador famoso por seus trabalhos humanitários, ao Espiritualismo Moderno causa grande interesse e admiração.
Fins de 1854
Paris, França
O Sr. Fortier, magnetizador, informa o prof. Rivail sobre as mesas girantes.
1855
Alemanha
Karl Freiherr du Prel, nascido em abril de 1839, doutor em filosofia, escreve o famoso livro "A Filosofia do Misticismo" (Philosophie der Mystik): "Somos, assim, um ser duplo, e o corpo material juntamente com a consciência forma somente um único lado da nossa existência. (...) A morte elimina apenas a forma corporal da aparência"
Yorkshire, Inglaterra
Surge o primeiro jornal espiritualista inglês, "The Yorkshire Spiritual Telegraph", publicado em Keighley.
maio de 1855
Paris, França
O prof. Rivail presencia pela primeira vez, na casa da Sra. Plainemaison, o fenômeno das mesas girantes.




***************************************************************

julho de 1848
Paris, França
Livro "Catéchisme grammatical de la langue française" por H. L. D. Rivail.
1849
Paris, França
Livro "Dictées normales des examens" por H. L. D. Rivail.
14 de novembro de 1849
Rochester, EUA
As primeiras demonstrações públicas das irmãs Fox no maior salão local, o Corinthian Hall, das quais resultou a organização do primeiro núcleo de estudantes do Espiritualismo Moderno. (Modern Spiritualism, ou também New Spiritualism).
26 de janeiro de 1850
Paris, França
Livro "Dictées du premier áge" por H. L. D. Rivail.
13 de abril de 1850
Paris, França
Livro "Dictées du second áge" por H. L. D. Rivail.
Fins de 1850
Estados Unidos da América
Por indicação dos próprios espíritos começa-se a utilizar um novo método de comunicação mediúnica: as Mesas Girantes. As pessoas se sentavam ao redor de uma mesa, em cima da qual colocavam as mãos, e a comunicação era feita por pancadas dadas pelos pés da mesa indicando letras do alfabeto. O fato dos pés levantarem-se do chão deu o nome ao fenômeno.
1851
Londres, Inglaterra
Helena Petrovna Blavatsky (1831-1891), mais conhecida como Madame Blavatsky, tem seu primeiro encontro com o guia espiritual que a conduziria na criação da TEOSOFIA. Doutrina espiritualista com muitos pontos comuns com o Novo Espiritualismo e com o Espiritismo, diferentemente destes porém, apoia-se nos conhecimentos espiritualistas das religiões orientais (que ajudou a divulgar no Ocidente) e do chamado 'Ocultismo'. Granjeou bom número de adeptos e razoavel popularidade na segunda metade do século XIX, principalmente nos Estados Unidos da America, para onde Madame Blavatsky mudou-se em 1873. Ali, em 1875, foi fundada a Sociedade Teosófica, que mais tarde se transladaria para Adyar na Índia.
Janeiro de 1851
Estados Unidos da América
O anúncio da conversão do famoso jurista John Worth Edmonds, ex-senador, ex-juiz do Supremo Tribunal de New York, materialista confesso, abala profundamente a opinião pública. Ele declara-se convencido da realidade do espírito, após haver presenciado os mais diversos fenômenos de efeitos físicos e de efeitos intelectuais produzidos sob o mais rigoroso controle.
1852
Estados Unidos da América
Manifesto publicado pelos professores W. Bryant, B. K. Bliss, W. Edwards, e David A. Wells, da Universidade de Harvard, em apoio à autenticidade do fenômeno das mesas girantes.
Escócia
Chegam a Europa alguns médiuns americanos. Com eles inicia-se a introdução do Espiritualismo Moderno na Europa, em menos de um ano o fenômeno das mesas girantes se generalizou por toda a Inglaterra.
Inglaterra
A médium americana Mrs. Hayden, esposa de um respeitável jornalista da Nova Inglaterra, é considerada a primeira médium a trazer os novos fenômenos para a Inglaterra. Segundo Arthur Conan Doyle, sua mediunidade bastante limitada pelos padrões modernos, consistia na produção de batidas que respondiam, de forma exata e convincente, as perguntas dirigidas aos espíritos.
Baviera, Alemanha
Fenômenos semelhantes aos "raps" de Hydesville ocorrem na cidade de Bergzabern.
8 de maio de 1852
Estados Unidos da América
Primeiro número do jornal neo-espiritualista "The Spiritual Telegraph" (EUA), subvencionado pelo comerciante Charles Partidge, com o auxílio do Reverendo S. B. Britain.


***************************************************************

1829
Alemanha
Publicação do livro "Die Seherin von Prevorst" (A Vidente de Prevorst), do Dr. Justinus Kerner. Neste livro, o Dr. Kerner relata fenômenos mediúnicos que ele presenciou e analisou, realizados por intermédio da senhora Hauffe.

Janeiro de 1831
Paris, França
Livro "Grammaire Française Classique sur un nouveau plan" por H. L. D. Rivail.
06 de fevereiro de 1832
França
Matrimonio de Hippolyte Léon Denizard Rivail e Amélie-Gabrielle Boudet.
1832
Paris, França
O prof. Rivail e sua esposa fundam e dirigem um pequeno pensionato para mocinhas (demoiselles). Merece ser destacado que por essa época as escolas mistas eram proibidas na França e o ensino feminino relegado a segundo plano.
1835
Paris, França
O prof. Rivail passa por serias dificuldades financeiras, com o fechamento do instituto de ensino que dirigia e com prejuízos decorrentes da falência de um amigo comerciante ao qual ficou confiada a renda da liquidação do referido instituto. Ele emprega-se como contabilista de casas comerciais, dedica-se a trabalhos de tradução e à preparação de cursos.
1835 - 1840
Paris, França
O prof. Rivail organiza e ministra cursos gratuitos de química, física, astronomia, etc. O curso dirigido a alunos pobres é ministrado na própria residência do prof. Rivail.
1840
Wütenberg, Alemanha
Em Mottlingen, Wütenberg, fenômenos de audição, visão, comunicação, que provinham incontestavelmente de espíritos, foram motivos dos periódicos locais.
1843 - 1848
Paris, França
O prof. Rivail dá também cursos públicos, bissemanais, de matemática e astronomia.
1846
Paris, França
O prof. Rivail publica o Manuel des examens pour les brevets de capacité, com soluções raciocinadas de questões e problemas de aritmética e geometria.
28 de março de 1848
Hydesville, Estados Unidos da América
Iniciam os eventos em Hydesville na casa da família Fox.
31 de março de 1848
Hydesville, Estados Unidos da América
O comunicante invisível de Hydesville se identifica como um caixeiro viajante assassinado no local. 

************************************************************************

Fins de 1805
Yverdun, Suíça
Criação do instituto de educação no castelo de Yverdun por Johann Heinrich Pestalozzi (1746-1827). Nesse instituto, que funcionaria até 1825, o notável educador suiço pode colocar em prática suas idéias sobre o ensino, contribuindo não só para a formação de grandes nomes da cultura européia, como influenciando profundamente futuros educadores, entre eles H. L. D. Rivail.
Pestalozzi acreditava na necessidade de desenvolver o entendimento da criança através da observação e da manipulação de objetos, e não do ensino de preceitos e normas. Além do instituto de Yverdun fundou também, em 1789, na cidade de Stans, um instituto educacional para crianças pobres e publicou livros pedagógicos.
1815
Yverdun, Suíça
Rivail ingressa como aluno no instituto de Pestalozzi.
1819
Yverdun, Suíça
Rivail desempenha no instituto funções de submestre.
1 de fevereiro de 1823
Paris, França
Prospecto "Cours Pratique et Théorique D'Arithmétique" por H. L. D. Rivail relacionado na "Bibliographie de la France".
6 de dezembro de 1823
Paris, França
Livro "Cours Pratique et Théorique D'Arithmétique" por H. L. D. Rivail relacionado na "Bibliographie de la France".
1823
Paris, França
Rivail toma contato com o "Magnetismo Animal". O magnetismo animal estudava a energia, ou o fluído como chamavam na época, emanado dos seres vivos e que podia ser dirigido pela vontade do "magnetizador" para diversas finalidades, entre elas as curas. Alguns fenômenos estudados pelo magnetismo animal são atualmente classificados como hipnotismo enquanto que outros passaram a ser estudados pelo Espiritismo.
1825
Paris, França
O prof. Rivail começa a dirigir a "École de Premier Degré", estabelecimento fundado por ele em Paris.
Paris, França
Livro "Contos Primaveris" por Amélie-Gabrielle Boudet.
1826
Paris, França
Livro "Noções de Desenho" por Amélie-Gabrielle Boudet.

1828
Paris, França
Livro "O Essencial em Belas-Artes" por Amélie-Gabrielle Boudet.
21 de junho de 1828
Paris, França
Livro "Plan proposé pour l'amélioration de l'éducation publique" por H. L. D. Rivail relacionado na "Bibliographie de la France".

Nota: H.L.D.Rivail era como o professor Rivail assinava suas obras.

(Continua na próxima semana)

 **************************************************************

Acontecimentos Pré-Kardec

O período que se estende de 1795 a 1856 corresponde aos anos em que o Prof. Rivail e sua esposa reencarnam, constroem suas carreiras como educadores e tem os primeiros contatos com o Magnetismo e com os fenômenos que dariam nascimento ao Espiritismo.
É nesse período que, com os eventos de Hydesville, inicia-se a etapa moderna da comunicação entre o plano espiritual e o material. Novamente a mediunidade, como fenômeno humano natural, manifesta-se em pessoas de todos os níveis sociais e econômicos, por todas as partes do mundo.
23 de novembro de 1795
Thiais, França. Nasce em Thiais, comuna do departamento parisiense de Val-de-Marne, Amélie-Gabrielle Boudet (1795-1883). Após cursar o primeiro grau, sua família estabeleceu-se em Paris, onde ela ingressou em uma Escola Normal e se tornou Professora de Letras e Belas Artes, vindo posteriormente a casar-se com Hippolyte Léon Denizard Rivail.
Colaboradora do Prof. Rivail nos projetos pedagógicos, constituiu-se em grande apoio na fase da Codificação Espírita, tornando-se verdadeira secretária do esposo, secundando-o nos novos e árduos trabalhos que praticamente lhe tomaram todo o tempo de 1857 a 1869. Após a desencarnação deste em 1869 trabalhou ativamente para garantir a vitalidade do Espiritismo, participando da fundação da "Sociedade Anônima do Espiritismo" (depois "Sociedade para continuação das obras Espíritas de Allan Kardec") destinada a prosseguir com a publicação da “Revue Spirite”. Oficialmente seu nascimento se deu aos 2 do Frimário do ano IV, pois nessa época estava em vigência o Calendário Republicano, instituído na França pela Revolução Francesa (1789).
3 de outubro de 1804

Lion, França. Nasce Hippolyte Léon Denizard Rivail  (1804-1869). De família tradicional na magistratura e na tribuna jurídica. Desde cedo se sentiu atraído para o estudo das ciências e da filosofia, tornando-se também conhecido sob o pseudônimo Allan Kardec, utilizado nas obras da codificação espírita. 

(Continua na próxima semana)

Nenhum comentário:

Postar um comentário